A nova moda do evolucionismo teorético defende a ideia segundo a qual o universo formou-se a partir do ... Nada... ! :lol:
Aparentemente, “Nada” é o nome que os evolucionistas naturalistas dão a Deus.
Se somarmos à genialidade abstrusa da tese de “uma coisa surgir do Nada”, o facto de a “grande ciência” actual defender a ideia de um “Multiverso a várias velocidades” [há hoje cientistas eminentes que acreditam cientificamente que existem milhões de universos paralelos que surgiram espontaneamente do Nada], chegamos à conclusão de que o evolucionismo já perdeu a guerra a favor da corrente científica do Desenho Inteligente — ou seja, o evolucionismo naturalista chegou já ao beco-sem-saída da defesa do absurdo.